Pular para o conteúdo principal

Miniatura De Uma Alma Consumista - Elas São Nossas Crianças!






















Ao lembrar de minha infância tenho excelentes recordações. Não somente de fatos alegres como também de momentos tristes, momentos de dificuldades, vários momentos de "sim" e também de "não". Sim, todos esses sentimentos ajudaram-me a vencer dificuldades, a não ceder aos meus desejos desenfreados, a dar um freio nos meus impulsos e a não ultrapassar meus limites até que eu atinja minha maturidade.

Adorava brincar de bonecas, de amarelinha, de esconde-esconde, patins, bicicletas, manja-pega, de elástico, bambolê, queimada, bola e até mesmo, de protagonizar meu próprio casamento, de participar do roubo de bombons no supermercado(fui pega em flagrante com minha colega, pois, havia câmeras lá) e de até ser atacada por meninas que pensavam que eu estava roubando o namorado delas (sim, você não imagina o que uma criança é capaz de fazer longe de seus pais..ehheheh).  

Todos esses e muito mais foram momentos de criancice. Mas, hoje percebemos que isso não ocorre mais, na sua maioria. São crianças que trocam o "brincar" por uma TV, trocam o afeto por objetos, trocam amizades pessoais pelas virtuais, trocam o intelecto pela beleza exterior e trocam os valores corretos pelo o que a mídia impõe. É preocupante sim, como não abater-se vendo nossas crianças consumirem, consumirem, consumirem e com um consumismo sem limites. Não tenho como aceitá-la.


O que me deixa mais intrigada é que nossas crianças não sabem dizer, explicar porque possuem tanta vontade de ter um celular da nova geração, de quererem muito aquele vestido, mais aquele sapato(depois de ter mais de 10 pares..ehheh), aquele playstation, aquela sandália da moda, o Ipod do colega, o tablet da amiguinha, enfim, um consumismo extremista e totalmente insatisfatória. 


Nossas crianças precisam brincar, curtir suas meninices, suas criancices, seu jeito infantil de ser. Pular sem se preocupar com o cabelo que vai desarrumar, correr sem se preocupar com o salto alto que está usando, vestir-se sem se preocupar as roupas que valorizam seu corpo, olhar no espelho e não dar extrema atenção na sua maquiagem, apreciar a leitura ao invés de assistir TV.


É, precisamos cuidar de nossas crianças, urgentemente!

Não permita que a mídia controle suas crianças fazendo-as consumirem de forma desordenada! Faça com que ela entenda o porquê do "não" ser tão importante em sua vida.

Entrevista:

- O que você mais gosta de fazer?
Criança: Compras

- Que tipo de compras?
Criança: Roupas, sapatos, maquiagens, botas, celulares, se eu pudesse compraria o shopping inteiro!

- Porque você quer comprar todos esses objetos?
Criança: Não sei. Ainda, não descobri.

- Você prefere brincar ou assistir TV?
Criança: TV

*** Bastam apenas 30 segundos para uma marca influenciar uma criança.
Fonte: Associação Dietética Norte Americana

" Instrua a criança segundo os objetivos que você tem para ela, e mesmo com o passar dos anos não se desviará deles"

Provérbios 22:6

Boa Noite Amigos!


  
2 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre O Passado...

Todos nós temos um passado que nos faz lembrar de situações ou algo não muito agradável. 
Se pudéssemos ter uma nova chance a cada atitude que tivemos, certamente, cada um aqui estaria disposto em ter feito algo diferente ou ter agido de forma mais amorosa. Sempre nos arrependemos de ter agido sem pensar em meio a emoções à flor da pele.
Deus nos ensina que o passado serve apenas para tirarmos lições a fim de não cometermos os mesmos erros. Devemos extrair ensinamentos que nos faça mudar algo que não foi bom e que prejudicou alguém. 
Jesus em um momento da bíblia diz à mulher adúltera após muitos a terem acusado de seu pecado (passado): "Vá e não peques mais" (João 8:11). Sendo assim, Ele não nos condena, mas adverte que devemos seguir a vida, abandonar o erro e não pecar mais. 
Também não devemos centralizar a nossa mente em algo que foi maravilhoso, mas que já passou e que restaram apenas bons momentos. Que fique somente as eternas lembranças e não o desejo de que volte! 

Dê A Cada Um O Teu Ouvido

Desde tenra idade nunca fui de falar muito entre minhas colegas da escola e isso foi sendo vivenciado durante toda a minha trajetória de vida, inclusive, a atual!
Às vezes, essa atitude me deixava desconfortável, pois ao meu redor era cercada por meninas que falavam pelos cotovelos e se expressavam de forma extrovertida. Eu, como sempre, no meu canto quieta e calada.
Então, passava a maior parte do meu tempo - observando as pessoas! Seus modos, falares, gestos e tinha uma vontade enorme de copiá-las! Isso, de certa forma, me incomodava ao extremo.

"Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente. A maioria das pessoas jamais ouve" - Ernest Hemingway
Hoje, aos 32 anos, vejo que foi a melhor atitude que tive, embora naquela época não pensasse da mesma forma que agora. Tenho em mim algo de muito valor - o ouvido bem disposto a ouvir!
Apesar de dias atrás eu querer sempre me meter nos questionamentos, discussões sobre assuntos polêmicos, querer me expressar com argum…

O Rotular De Pessoas...

Temos o mau hábito de rotular as pessoas ao nosso redor. Às vezes, é pela roupa, aparência, diplomas, status, beleza, feiura, miserabilidade, alto índice de inteligência, etc e tal!
Pra piorar a situação do indivíduo, ele se apresenta a nós totalmente avesso do que é realmente e verdadeiramente, pois como uma mulher coerente e sensata, conheço o tal até onde me permite conhecer, sem me iludir com o "rótulo". 
Muitas vezes, um ser rico, possuidor de muitos bens materiais não quer demonstrar tamanha riqueza financeira e por isso, esconde-se ou não permite que o outro o conheça totalmente. Sendo assim, é de direito dele. Óbvio!
A verdade é que o conhecer do outro ocorre conforme o que ele nos apresenta e revela. Há muitas coisas que escondemos do outro e por isso, devemos evitar tais rótulos nas embalagens! 
Integridade é o que sou comigo; honestidade é o que sou com o outro!
Se o que o outro apresenta a nós é verdadeiro ou não, o problema é do caráter de ele! Acreditamos apena…

10 Brincadeiras Para Grupos Grandes e Pequenos

10 Brincadeiras Para Grupos Grandes e Pequenos
Na vida de cada pessoa os momentos em que se está junto, reunindo seja na escola, em locais abertos, nas salas, em programações especiais é importantíssimo fazer com que essas horinhas sejam agradáveis e super divertidas.

Por isso, as brincadeiras divertidas em grupo se tornam essenciais para essas ocasiões. Rir e se divertir alivia as tensões e traz à memória nossa época de criancice e as coisas até fluem melhor.

Tenha em mãos 10 tipos de brincadeiras para grupos grandes e pequenos que você pode fazer. Haverá muita diversão, risos, conhecimento de cada um e uma aproximação maior para surgirem novas amizades.

CASO VOCÊ ESTEJA SEM IDEIAS PARA DAR AULA INFANTIL EM SEU GRUPO ESCREVI UM E-BOOK COM 6 LIÇÕES BÍBLICAS PARA VOCÊ! ENVIE O E-MAIL PARA DRIKA.CLUBINHO@GMAIL.COM E SOLICITE O SEU POR TEMPO LIMITADO! 

APENAS R$ 10,00 E GANHE OUTRAS 10 NOVAS BRINCADEIRAS EM GRUPOS! 10 Brincadeiras Para Grupos Grandes e Pequenos 1 - Não fale: Sim ou Não Tod…