Romantismo No Ar: Olhos Da Sulamita




Olá queridos leitores,

Lendo o livro "Poemas de Amor" ou como nós conhecemos popularmente Cânticos dos Cânticos da Bíblia - palavra de Deus, é notório percebermos o mais puro romantismo das cenas descritas nesse romance de Salomão com a Sulamita - por sinal, ela é a sua favorita!! Meu coração enche de satisfação ao perceber que Deus teve(tem) todo o cuidado de mostrar o amor sensual, carinhoso, afetivo, sex e cheio de elogios (tanto por parte dele quanto dela) no meio da bíblia. Olha só que interessaaaaanteeee!!!heheh... São cenas incrivelmente que barra qualquer conto, historinha, poema e romance de todos os séculos. Noooossa, cada palavra, cada preciosidade de demonstração amoroso de um homem e uma mulher, cada lugar moldado com a natureza, com as mais belas paisagens, com o perfume, com a descrição do corpo, com os acessórios, enfim, realmente é lindooooooooo!!

Tenho muito que escrever sobre a Sulamita. Mas, como sei que adoro esmiuçar bastante e acabo escrevendo demaaaaaaais, vou especificar cada pedaço dos encantadores elogios que Salomão fez (ele era fera nisso, viu) Ele, mais do que qualquer homem na face da terra, sabe encantar uma mulher muito bem!!!!

Vou descrever começando pelos seus "olhos"(encanta-me). Neste livro há várias vezes a referência e comparação dos olhos da Sulamita com os olhos das pombas, leia:

"Como você é linda, minha querida!
Como você é linda!
Seus olhos são pombas"
Cânticos dos Cânticos 1:15

Olhando por um lado você deve espantar-se a colocação da metáfora de Salomão "pombas" (eu também me espantei...rsrsrs) Que falta de criatividade, não acha.... Que negócio de tá comparando com uma avezinha fajuta, que não tem uma beleza impressionante e que sinceramente, não me causa nenhum ar de romantismo..hehehe. Mas, olha, estamos (mal) acostumados em ler apenas palavras, temos que enxergar mais a fundo, entendeu.... Mais a fundo, profundoooo!rsrsrsr.... Então, pombas também trazem um significado grandioso e isso é que veremos daqui por diante. Até porque no contexto em que eles estavam podemos perceber que viviam num paraíso de uma linda paisagem campestre, em meio a jardins, bosques e a natureza ao seu redor - inspirações correram soltos e bem altos (de Deus). Não tinha internet pra ele vasculhar os melhores significados, palavras, aquelas miguelagens sem graça dos rapazes né rsrssrs. Mas, ele tinha o melhor: a beleza de tudo aquilo que Deus criou! E fez bom uso disso...

Salomão escolheu as pombas, poderia ter escolhido qualquer outra coisa, mas foi a pomba que referiu-se aos olhos da mulher mais perfeita. Então, muito tem a nos dizer:

* Pombas conseguem processar uma informação visual 3x a mais que o olho humano. A Sulamita, talvez, era aquela mulher visionária. Ela enxergava além. Ela percebia à distância, ela destacava-se das outras porque seus olhos transmitia um raio-x impressionante, ela penetrava a alma das pessoas com seu olhar (sensibilidade aflorada). Eles olhavam-se profundamente, inclusive, um olhar fala mais que mil palavras!!!;

* Pombas tem olhos unifocais. Olha só, isto é bem interessante! As pombas tem esta característica peculiar: enxergam um objeto de cada vez, tem lentes biconvexas(foco à visão). Elas não olham para todos os lados enquanto voam ou quando estão paradas. A Sulamita tinha olhos assim: únicos e estritamente direcionados a uma só local, focados a uma só pessoa. Seus olhos eram focados ao Rei Salomão, somente a ele. Isso é fidelidade! Olhar para um e esquecer de todo o resto, senso de direção e não distração. Diferente de hoje, não.... Ela era extremamente fiel!

* Formam casais por toda a vida. Muito bem, compromisso total, até a morte. Mesmo que perca o pombo, jamais irá atrás de outro. Não existem outros na jogada e nem outras. Era isso que Salomão queria dizer: por toda vida você será minha e eu serei seu!!! Que lindo! Perfect!

* Olhos singelos e sinceros. O que toda mulher deve ter hoje em dia. Não aquele olhar irado e de cara feia(o que vemos em muitas por aí), mas uma mulher cujos olhos transmitem paz, sinceridade e extrema simplicidade.

Um encontro de amor, um olhar especial, um cenário vislumbrante. Muito romantismo no ar, muitas declarações de amor, muita poesia! É assim que deve ser! 

Bjos...e até o próximo post sobre a Sulamita!!!








Postar um comentário

Postagens mais visitadas