O Que Vai, Volta!




Uma breve reflexão de como a nossa vida pode ficar parada, estagnada quando olhamos para o nosso próprio umbigo. Uma vida próspera, influente e que deixa um legado é aquela que coopera, faz parceria e sempre está de olho no outro tentando ajudar no que pode. Espero que você seja impactado a transformar sua mente em olhar menos para si.



Esses dias tem sido bem interessantes. Estou morando numa nova pensão juntamente com outras meninas e com uma senhora idosa e já viúva. Deus tem me mostrado o valor da cooperação, da ajuda sem esperar retorno ou trocas. 

Me espanto em ver como o ser humano olha apenas para o seu próprio umbigo. Claro, não são todos, mas o que tenho percebido é que essas pessoas estão a crescer de forma exorbitante. São poucos os que realmente entendem o que é ser "parceiro", "cooperador".

Sou aquela menina que tento ajudar até mesmo quando não é da minha ossada. É algo que gosto e que faço por prazer. Não é a minha intenção receber alguma coisa em troca. Aquele negócio de "toma lá dá cá" não funciona comigo.

E como em todo o lugar que vou - procuro sempre ser útil! E lá está sendo da mesma forma. Porque eu acredito veemente que quando somos cooperadores, ajudadores, quem mais ganha com isso - somos nós! 

Onde estou e com quem convivo, os presentes que ganho são sempre constantes. Deus me ensinou desde cedo que é Ele que me recompensa, e não o ser humano. Essa senhora idosa já me presenteou com uma pancada de livros, já ganhei um par de pantufas numa outra pensão, uma sandália de uma amiga antiga que revi, roupas, brincos de uma das colegas na pensão que estava, e tantos e tantos presentes que não caberia aqui. 

Acredito eu, que é justamente por que não olho para o meu próprio umbigo. Não me interesso apenas com o meu trabalho, com minhas coisas, com o meu "mundinho" e com a minha própria vida. Me sensibilizo com quem está à minha volta. Sem ao menos pedir minha ajuda, já estou lá para ser útil de alguma maneira!

Vejo isso em "fazer o bem"  como diz a bíblia:


"Quem faz o bem aos outros, a si mesmo o faz; a pessoa cruel provoca sua própria ruína"

- Provérbios 11:17

Não é uma questão de escolher a quem fazer o bem, a quem ajudar. E o que eu vou ganhar com isso? Muito menos. Não importa quem; não importa se. Apenas faça o bem. Por Deus, para si mesmo! Ajude. Coopere. Seja parceiro. Não pense que será um babaca, um trouxa na mão das pessoas. Lembre-se: você estará fazendo o bem a si mesmo. Se elas agradecerem e retribuírem é porque entenderam a mensagem. Se não, tudo bem! Vai aprender um dia, quem sabe!

Quer prosperar na vida? Seja parceiro! Aqueles que reconhecem, seja mais parceiro ainda. Ajude, mesmo a quem não merece a sua ajuda. O mundo dá muitas voltas. Inúmeras vezes. 

Uma vida estagnada, que não sai do lugar, foi feita para aquele que só olha para o seu próprio umbigo. 


“Não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos”

- Gálatas 6:9

"A bondade que você faz pode falhar; mas continue fazendo isso, porque o verdadeiro fracasso nunca está praticando a bondade!" 
- Mehmet Murat ildan
(Romancista turco contemporâneo e dramaturgo)


Postar um comentário

Postagens mais visitadas